•  
     

Este anúncio é devorado por larvas para mostrar os perigos do crack



O consumo de crack se tornou um problema alarmante: a droga tem efeito rápido, causa intensa dependência e é difícil de combater.

Para ilustrar os efeitos nocivos do uso do crack, a Talent – agência de publicidade brasileira – criou estes cartazes com imagens de pessoas, que são lentamente devoradas e destruídas por larvas de farinha.

Cada cartaz foi impresso em massa de trigo, em vez de papel, e depois colocado dentro de um painel junto às larvas. À medida que elas o consomem, acabam revelando certas consequências do crack. O resultado é extremamente inquietante, especialmente quando parte do rosto é devorada: parecem cicatrizes e danos físicos reais na pessoa.

Os anúncios foram exibidos por vinte dias, entre fevereiro e março, dentro da Galeria do Rock no centro de São Paulo. Ela fica próxima à Cracolândia, área que concentra usuários da droga.

Há cerca de um ano, as ações contra o crack no centro de São Paulo foram intensificadas. Depois que uma operação da polícia dispersou a Cracolândia por vários bairros, adotou-se a internação compulsória dos viciados. Agora, o governador de São Paulo vai oferecer um cartão de R$ 1.350 que paga clínicas de tratamento para cada usuário se recuperar. (O dinheiro será repassado diretamente às entidades.)

O vídeo foi produzido pela Malabar Filmes, como parte da ação publicitária para a ONG Parceria Contra Drogas.

Fonte
 
POR ISSO QUE EU DIGO JOVEM ABRA O OLHO!
 
_____ mano , pirei , mt loko a iniciativa , por isso que eu so fiko no meu baseado ! uashauhs :icon_razz:
 
nossa pra você ver como o crack acaba com a vida da pessoa!
o cara chega a perder tudo, seus bens e familia, triste!
por isso nem chego perto de droga nenhuma :icon_rolleyes:
 
Renanz1NNN; Escreveu:nossa pra você ver como o crack acaba com a vida da pessoa!
o cara chega a perder tudo, seus bens e familia, triste!
por isso nem chego perto de droga nenhuma :icon_rolleyes:

Ontem conheci um cara no metro que perdeu a perna direta com 12 anos de idade, por causa de um câncer.
Nos estávamos conversando sobre a juventude. Comparando a juventude atual com a da época dele (ele tem 24 anos) e acabamos falando de parentes que foram presos.
Tenho um primo que foi preso e ele também tinha. E ele comentou uma coisa muita sabia: "Tenho todos os motivos para ter usado qualquer tipo de droga. Tinha 16 amigos no hospital [que estavam internados junto com ele] e todos eles morreram. Fiquei muito triste e para um garoto de 12 anos, em plena a adolescência perde uma perna não é nada fácil." E ele continuo e falou do primo dele: "Eu falei para o meu primo: tenho todos os motivos do mundo para ter usado drogas e você por causa de um probleminha bobo se entregou."

Preciso dizer mais alguma coisa ?

DROGAS, NUNCA!
 
CRACK É 1 VISIO QUE ACABA COM QUALQUER PESSOA EM POUCOS DIAS DE USO
 
O publicitário por trás disso é um gênio!
 
Se Drogas fossem Bom não se chamariam DROGAS ;|
 
joaovitor Escreveu:_____ mano , pirei , mt loko a iniciativa , por isso que eu so fiko no meu baseado ! uashauhs :icon_razz:


vc acha bonito falar que fuma? mais te fala aqui nao e bonito nao se eu estivesse .o se lugar teria vergonha, vc nao sabe o estrago q isso pod fazer na sua vida
 
*#HeNrI#* Escreveu:
joaovitor Escreveu:_____ mano , pirei , mt loko a iniciativa , por isso que eu so fiko no meu baseado ! uashauhs :icon_razz:


vc acha bonito falar que fuma? mais te fala aqui nao e bonito nao se eu estivesse .o se lugar teria vergonha, vc nao sabe o estrago q isso pod fazer na sua vida

Tenho uma posição muita severa quanto a maconha.
Apesar de na Holanda ser liberado [USA é, mas só para tratamento medicinal], não há grandes estudos sobre os efeitos. Há estudos sobre a economia que trouxe ou quais problemas apareceram ou que sumiram, mas estudos médicos não. Só agora, 2013 poderá ser feito estudos médicos, pois o Uruguai e o EUA liberam. No Uruguai será o governo que controlará tudo, ou seja, vai ser uma estatal, já no EUA, será meio privado meio estatal, pois tem o plantio que será privado, a logística e distribuição que serão privados e a venda que será estatal.
O porque de tudo isso? Com todo esse controle, além de poderem fazer os estudos econômicos e sociais, poderão fazer os estudos médicos, que são o ponto chave nesta discussão sobre o uso da maconha. E no EUA temos a melhores faculdades. Será um estudo demorado, mas grandioso.
Não uso e sou contra o uso, pois não tenho problemas para ter que usar, não tenho religião, ainda mais uma religião que pedi para fumar. Não sou besta o suficiente para usar uma coisa que não sei o que pode me fazer efeitos daqui 5 anos, 10 anos, 50 anos ....