•  
     

Exército dos EUA quer granadas eletromagnéticas

As Forças Armadas norte-americanas estão procurando pesquisadores que aceitem o desafio.


Imagem

Pode parecer coisa de ficção científica, até porque por enquanto ainda é. Mas o governo norte-americano está investindo pesado em pesquisas que levem ao desenvolvimento de granadas capazes de emitir pulsos eletromagnéticos. Isso seria vital para os campos de batalha das próximas décadas, em que a presença de equipamentos eletrônicos será cada vez mais presente — e os pulsos podem afetar o funcionamento deles.

Uma granada EMP (Electromagnetic Pulse) funciona da seguinte forma. Uma explosão de micro-ondas em altíssima potência pode produzir tanta corrente e tensão elétrica que destrói equipamentos eletrônicos quase instantaneamente. Com isso, qualquer aparelho de navegação ou computador poderia ser completamente aniquilado em poucos segundos.

Por enquanto, ainda não há informações sobre empresas especializadas em armamentos ou departamentos de pesquisa que estejam envolvidos no projeto. Mesmo assim, as Forças Armadas dos Estados Unidos devem continuar procurando formas de colocar o projeto em prática ainda nos próximos anos.

Fonte: Wired, Dvice
 
cada coisa que eles inventa