•  
     

Médico esquece R$ 20 mil em táxi no RS, e motorista devolve dinheiro

Fato ocorreu na cidade de Santiago, na Região Central do estado.
Cirurgião plástico promete uma boa recompensa ao homem de 34 anos.

O bom exemplo de um motorista de táxi virou o comentário da cidade em Santiago, na Região Central do Rio Grande do Sul. Na sexta-feira (10), o homem de 34 anos encontrou cerca de R$ 20 mil dentro do veículo que trabalha. O dinheiro pertencia ao cirurgião plástico Adolfo Corseti, que teve todo o valor devolvido pelo motorista no mesmo dia.

O fato ocorreu no final da tarde. Leandro Chaves, que além de dirigir o táxi do pai aos finais de semana, trabalha como radialista em Santiago, pegou o médico em frente ao Hospital de Caridade do município e o levou até uma clínica, a cerca de dois quilômetros de distância. Ao deixar o passageiro no destino e tentar engatar a marcha no veículo, percebeu um volume atrapalhando o arranque. Foi então que encontrou o dinheiro.

"Entrei correndo na clínica atrás dele. Ao encontrá-lo, perguntei se ele não estava sentido falta de nada. Ele disse que não. Perguntei novamente. Tem certeza? Ele percebeu a falta do dinheiro. Na hora que mostrei o saco com todo o valor dentro, ele não acreditou. Ficou em estado de choque. Quase não conseguiu falar", contou o taxista e radialista Leandro Chaves ao G1.
Adolfo Corseti é proprietário de uma clínica em Porto Alegre, mas possui também um consultório e clientes em Santiago. Procurado pelo G1, o cirurgião-plástico acha que dificilmente conseguiria reaver o dinheiro ganho com seu trabalho se o esquecimento tivesse ocorrido em um táxi em Porto Alegre.

"Quando ele me entregou o dinheiro, fiquei sem palavras. A humildade com que ele chegou para me entregar o dinheiro foi comovente. Isto é natural do povo de Santiago. São pessoas humildes e justas. Típico de cidades pequenas. Acho que se acontecesse em outro lugar, como Porto Alegre, nunca mais eu recuperaria o dinheiro", disse o médico.

O cirurgião agora pensa em um bom presente para recompensar a atitude do taxista. Segundo ele, na hora não conseguiu pensar em nada, no entanto, promete uma surpresa ao homem quando retornar à cidade da Região Central do estado.

"Pensei em lhe dar uma quantia em dinheiro. Mas não sei se ele iria aceitar. Quem sabe uma roupa bem bonita. Ele merece um bom presente e será recompensado por sua honestidade. Ele é uma pessoa especial. Fiquei muito agradecido", garante o médico.

O taxista e radialista Leandro Chaves é casado e tem um filho de seis anos. Segundo ele, com R$ 20 mil compraria um carro para passear com a família, mas garante que nunca pensou em ficar com o valor. "Eu sou uma pessoa realizada. Sou comunicador de rádio, trabalho no táxi do meu pai. Tenho uma família com saúde. Em momento algum pensei em ficar com o dinheiro. Depois que devolvi, me senti mais leve. Me fez muito bem", disse Leandro.

Fonte: G1
 
dificil achar pessoas assim rsrsrs
 
Ainda bem que ainda existem pessoas como essas para servir de exemplo para todos nós :D