•  
     

Microsoft compra a unidade de smartphones da Nokia

Imagem
A finlandesa Nokia venderá sua unidade de smartphones e celulares ao grupo americano Microsoft por US$ 7,183 bilhões de dólares (5,440 bilhões de euros), informou a empresa europeia em um comunicado.

A venda, "em dinheiro", incluirá a totalidade das patentes da ex-número um do mundo em smartphones e celulares, que se concentrará agora em serviços e redes, "o melhor caminho para se avançar, tanto para a Nokia como para seus acionistas", segundo o presidente do grupo, Risto Siilasmaa.

A Nokia também anunciou a saída imediata de seu diretor-executivo, Stephen Elop, que será substituído interinamente por Risto Siilasmaa.
Cerca de 32 mil funcionários da Nokia esperam ser transferidos para a Microsoft, incluindo 4.700 que trabalham na Finlândia, destacou o grupo.