•  
     

PlayStation 4: tudo o que você precisa saber sobre o evento da Sony

A espera está perto do fim e a nova geração de consoles está prestes a chegar. Saiba o que esperar do sucessor do PS3.

Não é todo dia que uma nova geração bate em nossa porta avisando que vai chegar, com data e hora marcada. Desde que a Sony anunciou o PlayStation Meeting, evento em que ela supostamente revelará seu próximo console, todas as atenções da indústria foram direcionadas para a noite de quarta-feira, quando o PlayStation 4 deve, enfim, ser apresentado ao público.

E é claro que, com a proximidade da data e o silêncio da empresa diante do que podemos esperar, os rumores iam encontrar terreno fértil para surgir e se espalhar em fóruns e sites especializados. Quem acompanha o Baixaki Jogos e o Tecmundo deve ter reparado na grande quantidade de informações vazadas e de imagens misteriosas que apareceram nas últimas semanas, frutos do entusiasmo com a novidade que se aproxima.


Se por um lado essa grande quantidade de informação é um grande indicativo de que a Sony realmente pretende anunciar o PS4 em seu evento — “onde há fumaça, há fogo”, como dizem —, isso também funciona como um enorme desserviço. Como todos os detalhes surgem de fontes anônimas e vindos de todos os lados, é muito difícil definir o que é real ou pura especulação.
Imagem
E como no meio de tantos rumores e “achismos” sempre há um fundo de verdade, decidimos fazer um pequeno guia para que você saiba exatamente o que esperar do PlayStation Meeting na próxima quarta-feira. De novas funcionalidades a grandes games, a chegada do PlayStation 4 promete ser incrível — e saiba agora o porquê.

Cobertura ao vivo
Como de costume, faremos a cobertura ao vivo do evento aqui no Tecmundo. Portanto, anote em sua agenda: o PlayStation Meeting — e o mais que provável anúncio do PS4 — acontece nesta quarta-feira, dia 20 de fevereiro, a partir da 20h, horário de Brasília. Não perca!

O que a Sony vai mostrar?

Depois de tantas notícias, chega a ser impossível acreditar na possibilidade de que a Sony não vai apresentar o PlayStation 4 nesta semana. São tantos rumores e informações sobre o mesmo assunto que seria uma incrível piada de mau gosto se a empresa decidisse falar do Vita ou mesmo do PS3.

Porém, é muito pouco provável que esse anúncio seja feito de maneira “completa”, ou seja, apresentando todos os detalhes da plataforma. O que devemos ver na quarta-feira é algo semelhante ao que a companhia fez em 2011 com seu portátil: teremos o protótipo do console e suas funcionalidades sendo mostrados, assim como algumas demonstrações técnicas e o anúncio de outros jogos, deixando os principais detalhes para sua conferência na E3. Por isso, espere ouvir falar de “Orbis” e não de “PlayStation 4”.

Novos acessórios
O novo controle deverá ser uma das estrelas da noite. Depois de algumas imagens terem vazado na semana passada, confirmando rumores anteriores sobre a existência de um touchpad frontal, quase não restam dúvidas de que o DualShock foi remodelado para receber estas novas funções.
Imagem
No entanto, o joystick ainda tem uns mistérios para serem revelados. É o caso do estranho sensor que ele carrega na parte superior. Levando em consideração as patentes reveladas anteriormente, a principal aposta é que o controle seja sensível ao movimento. No entanto, ainda não sabemos se isso será feito como um Sixaxis melhorado ou se uma forma integrada do próprio Move.

Quem também deve dar as caras na apresentação deve ser a nova versão do PlayStation Eye, a câmera do console, que foi alvo de rumores sobre uma suposta atualização. De acordo com os boatos, a Sony teria aprimorado a qualidade do acessório ao trazer duas lentes de alta definição para a captura de imagens em HD que serviria tanto para a comunicação quanto para o reconhecimento do jogador.

E por mais que isso lembre a proposta da concorrência, parece que a ideia não é ser o Kinect do PS4, mas algo mais discreto e voltado para funções mais básicas, como movimentação das mãos e da cabeça em determinados títulos e, quem sabe, na própria interface principal.

Que entrem os jogos
Por mais que todos estejam ansiosos para conhecer o sucessor do PlayStation 3, o que realmente empolga em relação ao novo console são as possibilidades oferecidas pelos títulos da próxima geração. Pouco sabemos sobre eles ou sobre as diferenças e novidades que em termos de gráficos e jogabilidade, mas os boatos sobre o que devemos ver na próxima quarta-feira nos faz relevar tudo isso.

Killzone 4
Ao que parece, o jogo para o Vita não será o único retorno à guerra contra os Helghasts. Uma fonte ligada à Sony afirmou ao site VideoGamer no início do mês que uma sequência ao game de 2011 já está em produção e será apresentada durante o evento desta semana
Imagem
Nada foi comentado sobre o enredo ou qualquer outro detalhe, mas as chances de vermos a Guerrilla apresentado algo são realmente grandes, principalmente se lembrarmos que a empresa foi uma das primeiras a demonstrar o potencial do PS3 quando este foi anunciado. Assim, ver um Killzone 4 repetindo a situação na nova geração não chega a ser nenhum absurdo.

The Last Guardian
Se os rumores estiverem certos, o já lendário projeto dos criadores de Shadow of the Colossus finalmente deixará de ser um sonho distante. Após mais de seis anos de desenvolvimento e incontáveis problemas de produção — incluindo vários recomeços —, The Last Guardian pode ganhar casa nova.
Imagem
O criador Fumito Ueda já tinha sugerido que os fãs ficassem de olho nos anúncios da Sony e um ex-funcionário da empresa garante que a companhia decidiu abandonar os planos de lançá-lo no PS3 para torná-lo um exclusivo de peso do PlayStation 4. Se isso for verdade, a nova geração realmente já começa com tudo.

Final Fantasy Versus XIII
Semelhante a The Last Guardian, Final Fantasy Versus XIII é outro jogo que deveria ter sido lançado para PS3, mas virou uma lenda devido aos constantes atrasos. E foi justamente por isso que um usuário do NeoGAF garantiu que a Square Enix decidiu reformulá-lo, trazendo um novo nome (Final Fantasy XV, talvez?) e já pensando no PS4.

MotorStorm
Faltando apenas dez dias para o PlayStation Meeting, o diretor da Evolution Studios, Paul Rustchynsky, publicou uma espécie de contagem regressiva para o evento da Sony, o que deixou todo mundo em alerta. Quando questionado sobre o significado daquilo, ele brincou dizendo que o pessoal estava se precipitando, já que ele se referia à data em que ele poderia pegar seu carro de volta. No entanto, ninguém sabe se ele estava falando de um veículo comum ou das máquinas destruidoras de MotorStorm.
Imagem
Como se não bastasse, um currículo ligado à produtora apareceu no LinkedIn afirmando que realmente há um jogo sendo desenvolvido. Portanto, basta juntar as peças para ouvir o som dos motores roncando no próximo dia 20.

LittleBigPlanet 3 e o novo projeto da Media Molecule
Mais do que a estreia dos Sackboys na nova geração, a vinda de LittleBigPlanet 3 traria outra grande novidade: a participação de outro estúdio no processo de desenvolvimento. Segundo alguns rumores, a Media Molecule estaria tão ocupada com a produção de Tearaway, para PlayStation Vita, que deixaria a série a cargo da Sumo Digital, responsável pelo excelente Sonic & All-Stars Racing Transformed.
Imagem
Na contramão disso, a própria Media Molecule trouxe um teaser bem estranho em seu site oficial. Na área dedicada a seus jogos, há um enigmático ponto de interrogação indicando que há algo vindo por aí. E por mais que não haja nenhuma menção ao PS4, tudo converge para o PlayStation Meeting desta semana.

The Witcher 3: Wild Hunt
O jogo já foi anunciado para PCs, mas há várias menções que indicam que a CD Projekt RED planeja lançá-lo também nos novos consoles. Como o PlayStation 4 deve ser o primeiro a aparecer, não seria nada estranho uma apresentação surgir durante o evento desta semana — talvez com as primeiras imagens de jogabilidade.

Jogos de transição
Como acontece em toda mudança de geração, é muito provável que tenhamos jogos anunciados para o PS3 também chegando a seu sucessor, dando o primeiro passo em direção à esperada transição. E desta vez não será diferente, pois já temos alguns games cumprindo este papel.

O recém-anunciado Destiny é um deles. De acordo com a Bungie, seu novo FPS chegará aos consoles atuais e também às tecnologias futuras, indicando que podemos esperar algo para o PS4. Porém, por se tratar de um estúdio third-party, fica difícil prever se veremos algo sendo apresentado no palco do evento desta semana. Vamos torcer para que sim.
Imagem
A Ubisoft também está em uma situação semelhante com Watch Dogs. O game que enlouqueceu todo mundo na última E3 virou alvo de especulação na semana passada após um cartaz sugerir que ele estará disponível em “todos os consoles”.

Outras apostas
É claro que há outros títulos que podem dar as caras durante a conferência, nem que seja de maneira rápida e meramente ilustrativa, apenas para marcar presença e empolgar os fãs. É o caso do suposto novo projeto da Quantic Dream, Singularity, que apareceu em um registro de domínios há alguns meses. isso sem falar da demonstração KARA, que surpreendeu todo mundo.

Quem também deixou escapar informações foi a Ivory Tower, produtora fundada por ex-funcionários responsáveis pela série Test Drive. Apesar de não haver nenhum indício sobre o que se trata, as principais apostas estão em um jogo de corrida — afinal, todos querem ver Kaz Hirai gritando “Riiiiidge Racer” de novo.

Há também quem acredite que podemos ter as primeiras imagens de Gran Turismo 6 ou algo relacionado à franquia de Polyphony Digital, visto que a aparição do simulador já é quase uma tradição nos anúncios da empresa. Além disso, um burburinho aponta que teremos uma rápida aparição de Uncharted 4. Será?

Novas funcionalidades
Apesar de termos uma possível biblioteca de peso logo de início, isso não é tudo. Vários rumores apontam para novas funcionalidades do console, mostrando que a Sony se empenhou em fazer com que o PlayStation 4 seja muito mais do que um simples apanhado de gráficos.

Gaikai e o mundo nas nuvens
Quando a Sony anunciou a compra da Gaikai, em 2012, muitos boatos surgiram sobre o que estava por vir. No entanto, o tempo passou e nenhum serviço ligado às nuvens foi anunciado. E pode ser que o PlayStation Meeting acabe com o mistério.
Imagem
Após a declaração do diretor financeiro da Electronic Arts, Blake Jorgensen, de que a nova geração não teria retrocompatibilidade, eis que o clouding gaming pode enfim ter uma utilidade. O jornal Wall Street Journal noticiou neste fim de semana que os jogos de PS3 rodarão somente via streaming, o que seria uma inovação bem interessante. Por outro lado, a exigência de uma conexão pode ser um grande impedimento.

Seus jogos em Ultra HD
Uma das primeiras suposições sobre as novidades da Sony para o PlayStation 4 foi a utilização do chamado Ultra HD, ou seja, a tão sonhada resolução em 4K. E por mais que os rumores recentes tenham posto de lado a possibilidade, não seria nenhuma surpresa ver a incrível definição no novo console.

Isso porque a empresa já começou a realizar testes em jogos de PS3, como Gran Turismo 5, mostrando que não se trata de um futuro tão distante assim. Além disso, durante a CES 2013, maior feira de tecnologia do mundo, a fabricante deu muito destaque à sua linha de TVs 4K, o que faz com que a integração com seu novo video game seja algo possível.

Jogadores mais integrados
Por mais que pouco tenha sido dito sobre a utilização da nova câmera, ela traz algumas possibilidades de uso bem interessantes. Como mencionado anteriormente, a ideia é trazer uma integração maior entre os jogadores, criando uma espécie de rede social exclusiva do PS4 — quase como acontece com o Miiverse no Wii U —, talvez com uma conectividade maior com smartphones, tablets e o próprio Vita.

Com isso, teríamos desde videoconferências até troca de opiniões e experiências por meio de texto e imagens. Além disso, como o novo PS Eye pode ser capaz de reconhecer o usuário e determinados movimentos, isso também pode ser usado para controlar a interface de alguma maneira.

Bloqueio contra usados e foco no formato digital
A grande polêmica. Há algum tempo já se comenta que a nova geração vai trazer algum tipo de bloqueio para jogos usados, algo que uma suposta patente da Sony revelou no início do ano.

O problema é que, se isso realmente estiver presente no PS4, dificilmente a empresa irá comentar em seu evento. Por se tratar de um assunto delicado e que ainda divide muito a opinião dos jogadores, é muito provável que ela opte por não mencionar nada para evitar repercussões negativas.
Imagem
Por outro lado, podemos esperar algum foco maior em relação ao formato digital. Apesar de ser quase certo que continuaremos com a mídia tradicional — provavelmente o Blu-ray —, a Sony deve continuar investindo forte em um modelo de negócios mais atual, focado no conteúdo por download. Por mais que isso não represente uma queda de preço nos games, oferecer algum tipo de vantagem que valorize essa opção de compra — melhor desempenho ou descontos, por exemplo — pode ser um ótimo atrativo e uma resposta ao Steam e outras plataformas semelhantes.

[olor=#FF0000]Especificações[/color]
De acordo com o site VGLeaks, a configuração que chegará aos consoles conterá com:
CPU de 8 núcleos Jaguar;
GPU Liverpool;
8 GB de RAM para desenvolvedores e 4 GB GDDR5 para a versão final do console;
Entrada USB 3.0.

Fonte:
http://www.tecmundo.com.br/video-game/36714-playstation-4-tudo-o-que-voce-precisa-saber-sobre-o-evento-da-sony.htm#ixzz2LLK1P4OM
 
vai demora pra min ter um play 4 viu kkkk !!
 
Ai sim,o controle do play 4 mtt loco! (:
 
Tenho nem play 3 nem xbox360 ja tao indo pra proxima geração ? tnc mano affs
 
kkkkk meu sonho de consumo um play 4 tem alguem ai que queira me dar
 
eu vo compra um obs: so falto o dinheiro ;)
 
Bom so no sonho da galera memo porque isso vai demora em
 
confesso que nao li tudo , mais.... alguem sabe quando vai estar disponivel pra ser comprado?


to querendo compra :icon_rolleyes:
 
kk eu não tenho nem o play3 qm me dera o 4 entao kkk
 
meu video-game mais novo é o Super-Nintendo americano, ta bom? :D