•  
     

Ranking da secação: rivais divididos a favor e contra o Galo na final

Vascaínos. santistas e palmeirenses têm a maior porcentagem de adesão aos mineiros na Libertadores, e tricolores gaúchos e cariocas, a menor
Até que ponto é interessante para a torcida de outros clubes uma vitória ou uma derrota do Atlético-MG na decisão da Taça Libertadores? Através de enquetes, o GLOBOESPORTE.COM apurou a opinião de torcedores de 11 dos principais clubes do país sobre a final que começa a ser disputada nesta quarta-feira, no Paraguai, contra o Olimpia. E houve uma divisão: cinco a favor e seis contra, incluindo o Cruzeiro. Entre os possíveis motivos para as variações entre simpatia e antipatia, estão a rivalidade local, o apego ao técnico Cuca, a inimizade com Ronaldinho Gaúcho e até a proximidade entre torcidas.
Imagem

Alguns resultados chamam a atenção pelos expressivos números a favor dos mineiros. Foi o caso do Vasco: 84% querem ver o Galo campeão. É um dos casos em que as torcidas são aliadas. Outro time carioca também manifestou grande apoio aos mineiros: o Botafogo.

- Entendo que botafoguenses e tricolores sejam contra, pois vão passar a ser os únicos entre os 12 principais clubes sem conquistar a Libertadores. Mas os botafoguenses podem estar a favor do Cuca. E o Botafogo, historicamente, é um time com ligação com futebol bem jogado nos anos 60 e que foi retomado com o Cuca, especialmente em 2007 - entende o comentarista André Loffredo, do SporTV.
Imagem
Cuca já treinou o Botafogo e pode motivar cariocas
a torcerem para o Atlético-MG (Foto: Marcos Ribolli)
Realmente os tricolores estão do lado oposto, com 69% a favor do Olimpia, time que eliminou o Fluminense nas quartas de final. Pode pesar ainda a recente briga pelo título do Campeonato Brasileiro de 2012 com o Galo.

Outros tricolores, os do Rio Grande do Sul, também querem ver a decepção alvinegra, mas por motivos diferentes. Os gremistas, que em grande parte se revoltaram com a escolha de Ronaldinho Gaúcho pelo Flamengo em 2011, parecem dispostos a torcer contra: foram 78% dos votos para os paraguaios. Em contrapartida, os colorados passaram a apoiar o Atlético-MG.

- Pode parecer a resposta mais fácil e óbvia, mas não há como escapar dela: o fator Ronaldinho é determinante para que colorados estejam apoiando o Atlético-MG, e gremistas prefiram ver o Olimpia campeão da Libertadores. A missão recíproca de gremistas e colorados é, historicamente, torcer para que os rivais percam ou se sintam infelizes no esporte - analisou o comentarista Maurício Saraiva, do SporTV.

A torcida do Flamengo, clube pelo qual Ronaldinho jogou antes de se transferir para o Atlético-MG, alegando atraso no pagamento de salários, está do lado do Olimpia na final, mas sem uma diferença tão grande: 55%.
Imagem
Ronaldinho Gaúcho tem a antipatia da torcida do
Grêmio e, assim, o apoio dos colorados (Foto: AFP)
Em São Paulo, há mais porcentagem a favor do Galo. Santos, com 83%, e Palmeiras, com 82%, torcem pelo título dos brasileiros.

- A explicação pode ser para desviar o foco dessa boa fase que o Corinthians viveu e ainda vive. Talvez tenha um pouco disso. A grande rivalidade é a local - lembra o comentarista Wagner Vilaron, do SporTV.

Corintianos e são-paulinos torcem contra em sua maioria, mas por pouca diferença - 51% contra 49% no primeiro caso, e 52% contra 48% no segundo. O São Paulo foi um dos times eliminados pelo próprio Galo, nas oitavas de final.

No caso dos cruzeirenses, não há necessidade de muita explicação: a rivalidade fez com que 89% se manifestassem a favor dos paraguaios. Torcendo a favor ou contra, os rivais do Galo assistem à primeira partida da decisão nesta quarta-feira, às 21h50m (de Brasília).


http://globoesporte.globo.com/futebol/libertadores/noticia/2013/07/ranking-da-secacao-rivais-divididos-favor-e-contra-o-galo-na-final.html
 
Se o galo ganhar quem nos vamos zuar agora?
Primeiro o corinthians, depois o galo. : /