•  
     

Sony registra patente de peruca inteligente; entenda seu uso

A Sony registrou a patente de um produto bem curioso: uma peruca eletrônica equipada com sensores, capaz de se comunicar com outros dispositivos. Um exemplo de uso seria parear a peruca inteligente com um smartphone. Assim, ela emitiria vibrações para avisar ao usuário sobre a chegada de notificações.

Imagem

A Sony explica ainda, no documento de registro da patente, funcionalidades ainda mais complexas. E até estranhas. No texto, a companhia japonesa sugere que seria possível adotar GPS na “smartperuca”: ela vibraria em diferentes direções para dar orientações ao usuário sobre qual direção seguir. Outros recursos explicados pela patente são ainda mais curiosos, como sensores capazes de detectar o ambiente a partir de ondas sonoras, um apontador laser e até mesmo uma câmera.

Na defesa da ideia submetida ao escritório norte-americano que registra novas ideias e tecnologias, a Sony valoriza a peruca como algo usado “por muita gente, em especial pessoas calvas”. Ainda de acordo com o texto: “Perucas são úteis para mudar a aparência e alterar a percepção que outras pessoas têm do usuário”.

Outras especificações do gadget afirmam que ele poderia ser confeccionado com cabelo humano, pelos de búfalo, materiais sintéticos, lã e outros materiais. Registrada como ideia, a peruca-inteligente da Sony não tem data para chegar às nossas cabeças.


#FONTE