•  
     

Uma verdadeira Guerra Urbana no estado de São Paulo

Imagem

Ao que tudo indica, há uma guerra à surdina entre o Primeiro Comando da Capital (PCC) e a Polícia Militar (PM). E essa batalha de força tem sido determinante para a onda de violência que assola o Estado de São Paulo, principalmente a capital paulista. Pessoas com medo de sair a noite pelas ruas, depois do "aviso do toque de recolher", ruas desertas, todos com medo de até ir ao trabalho, voltar do trabalho, enfim, sair de casa, até quando teremos que viver assim?

Até ontem houve 92 mortes de PM's, e é um número que cresce a cada dia.

A rede de televisão Record, fez uma reportagem exclusiva, confira:
OBS: esse formato de vídeo não da para postar aqui, então ai está o link, basta clicar e apertar em play.

http://noticias.r7.com/videos/veja-imag ... d7753.html
Anexos
8898989.JPG
Última edição por kelf632 em 05 nov 2012 10:38, editado 1 vez no total.
 
Lol heuehueheuheuhe estranho essa guerra
 
todo dia tem toque de recolher..
11 horas quem tiver na rua leva bala !
e eu moro no extremo SUL de são paulo.. aonde tem mais mortes kkk
e ainda estudo de noite x//
ai tenho que chegar em casa boladao
 
rknsz Escreveu:todo dia tem toque de recolher..
11 horas quem tiver na rua leva bala !
e eu moro no extremo SUL de são paulo.. aonde tem mais mortes kkk
e ainda estudo de noite x//
ai tenho que chegar em casa boladao


11:00 horas da noite na rua leva bala rachei kkkkkk
 
la o baguiu ta loko msm....os cara ta matando geral
 
Cyber Escreveu:
rknsz Escreveu:todo dia tem toque de recolher..
11 horas quem tiver na rua leva bala !
e eu moro no extremo SUL de são paulo.. aonde tem mais mortes kkk
e ainda estudo de noite x//
ai tenho que chegar em casa boladao


11:00 horas da noite na rua leva bala rachei kkkkkk


mas o pior que é a verdade, quem mora aqui está convivendo com isso... o risco é muito grande, na cidade onde moro, dps das 20 hrs ja ta td fexado, comercios, estacionamentos, etc, e dificilmente passa algum carro na rua...
o único som comum é o de sirene de policia